Adega do Brito – Degustação de vinhos franceses!

Durante essa semana, tive uma experiência bem atípica e bastante surpreendente para uma quarta feira a noite.

A convite da Adega do Brito, estive no restaurante para uma palestra muito especial com Pascale Perres sobre a versatilidade dos vinhos franceses e pude aprender um pouco mais sobre a beleza, os sabores e toda a concepção sobre o cultivo dos vinhedos europeus.

Confesso que nunca tive muito conhecimento técnico sobre a bebida mas sempre gostei muito de degusta-la em reuniões com as amigas, no final de semana e até mesmo aquela taça para relaxar antes de dormir durante a semana e confesso que fiquei surpresa em saber a importância de todos os cuidados sobre o manejo das vinhas, as condições climáticas de temperatura e solo á que são submetidas e em como os detalhes da colheita fazem toda a diferença na hora dos produtores oferecerem um vinho de alta qualidade e reconhecidos pelo mundo inteiro, como são os vinhos franceses.

O chef  Luciano Zanin foi e responsável pela concepção dos cinco pratos harmonizados perfeitamente com os vinhos apresentados pela Pascale

Iniciamos a noite com um vinho branco – LE SAINT ANDRÉ, VERMENTINO 2015 e depois passamos á três outros tintos incrivelmente distintos e saborosos:

CÔTES DU RHÔNE, CHATEAU SEGONZAC e CHÂTEAU JEAN VOISIN FAGOUET (considerado um dos melhores vinhos da França).

O cardápio estava delicioso:

1. Camarão Provençal harmonizado com LE SAINT ANDRÉ;

2. Nhoque de mandioca harmonizado com CÔTES DU RHÔNE;

3. Ravioli de cordeiro harmonizado com CHATEAU SEGONZAC;

4. Risoto Mignon ao molho madeira harmonizado com CHÂTEAU JEAN VOISIN FAGOUET;

5. A sobremesa ficou por conta de um mix de queijos holandeses e uruguaio combinado com geleia de pera e harmonizado com CHÂTEAU JEAN VOISIN FAGOUET – que ficou surpreendente e muito saboroso.

Além disso, poder entender um pouco mais sobre os aromas e os sabores dos vinhos foi incrível.

Vocês sabiam que as vinhas na França são consideradas como um patrimônio do país? Achei enriquecedor poder aprender mais sobre essa cultura e principalmente em como devemos degustar verdadeiramente um vinho. Três dos nossos sentidos devem ser estimulados, primeiro o visual – devemos OLHAR o vinho e admirá-lo pela sua cor, beleza e estrutura, depois partimos para  a parte do olfato (é importante girar o vinho dentro da taça para estimular os aromas e fazer com que a bebida oxigene, assim ela irá liberar todos os aromas e é nesse momento que devemos “cheirar” com vontade a bebida para viver a experiência e somente depois, degusta-lo com o paladar. O movimento adequado para que possamos sentir o verdadeiro sabor do vinho é de um movimento semelhante ao de “enxaguar a boca quando estamos escovando os dentes”, (esse exemplo foi a própria palestrante que me deu na hora em que á questionei e fez muito sentido, uma vez que quando realizamos essa mecânica, toda as papilas gustativas da nossa boca são atingidas pelo líquido) e realmente a diferença é enorme.

Agradeço a Rose e toda a equipe da Adega do Brito pelo convite, com certeza a noite foi deliciosa e irei repetir a dose.

O espaço é muito aconchegante e conta com uma decoração linda e super contemporânea, vale a visita se você ainda não o conhece!

Na página do Facebook vocês podem acompanhar a programação dos jantares, palestras e cardápios especiais!  – é só clicar aqui

Adega do Brito

Rua Porto Alegre, 55, centro

Francisco Beltrão – PR

Tel: 46 3523 1601

Deixe uma resposta

Você Pode Gostar

banner-home-pub